The Portuguese Tribune

O Cedro do Mato no Povoamento dos Açores

É, efectivamente, um espólio original e exclusivo deixado por um artista açoriano de vários recursos já falecido, Manuel José Dias (meu tio por afinidade), retratando uma profunda simbologia ar­quipelágica realizada em painéis de vária dimensão em CEDRO do MATO (Juniperus Brevifólia-Antoine), produto de quaren­ta anos de trabalho, que reúne neste momento alguns painéis disponíveis para venda executados com o material […]

Please sign in or acquire an online subscription.

Visit our Subscribe page to view our subscription options!